quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

O REALISMO E A MÚSICA

Após o romantismo, um período marcado pelos ideais, sonhos e fantasias começa um período mais “pé no chão”, o “REALISMO”.  

O realismo foi um movimento cultural, mais literário que musical, ocorrido na segunda metade do século XIX e que se contrapunha ao romantismo. Nessa época, haviam muitas lutas sociais, revoluções devido ás novas ideias políticas. Época também em que as novas ideias filosóficas surgiram como:



                                         as ideias positivistas de Augusto Comté; 


                                              das ideias deterministas de Hipolyte 




                                              das ideias evolucionistas de Charles Darwin



 

                              e das ideias socialistas de Carl Marx e Engels (na ordem)

O mundo andava bem agitado nessa época. Por isso, não dava mais para viver de sonhos e fantasias. E o movimento cultural passou a influenciar as artes, principalmente, na literatura e na pintura.

Pintores e escritores, participantes do movimento realista, procuravam retratar em suas obras, a vida real com fidelidade de detalhes. O homem comum era o centro de tudo. O que importava era o momento, o atual, o instante retratado.


Acreditavam que as ideias românticas não passavam de loucuras fantasiosas, já que maioria das obras tinham como tema seres extraordinários, fantásticos e sobrenaturais. Os realistas achavam loucura falar de fadas, de seres das florestas, das águas e das montanhas já que não havia nada disso na vida real e acreditavam poder evitar os efeitos sonhadores considerados como degradantes para o homem.

Nessa época, a música ficou meio que de fora desse movimento. Principalmente, a música instrumental. No entanto, compositores como Verdi, Mendelssoln, Rossini e Bizet fizeram músicas para as óperas.Eram grandes produções e fizeram grande sucesso.


Vamos conhecer alguns trechos delas, assistindo aos vídeos.


                                                        Ayda - Gloria all Egyto - de Verdi



                                                  Carmem - de Bizet

                                                                                                ( as minhas favoritas)

Um comentário:

OBRIGADA PELA VISITA.

Espero que tenha encontrado o que precisava, tenha gostado do que encontrou e que volte muitas outras vezes. Ficarei muito feliz se você deixar um recadinho para mim.